top1
     

Beija-flor
dema

 

Quando eu regava o jardim,
voou pra perto de mim,
pra banhar-se, um beija-flor,
de penas mui coloridas
e o pescoço furta-cor .

Drapejando em pleno ar,
pôs-se, como ás, a bailar
a dança alegre da chuva.

Nas  gotas em suspensão
a luz do sol fez nascer
quadro lindo de se ver:

arco-íris miudinho
coroando o passarinho,
qualquer fosse a direção.

Sou bem capaz de apostar
não haver quem não se encante
com a imagem deslumbrante:

o espertinho colibri,
voando daqui pr’ali
e cada flor cortejar.

Aos céus entoo meu hino,
a Deus dispenso louvor,
pois mais pareço um menino
ante esta cena primor.

HOME

 

direitos autorais de demasilva